Cadastre seu negócio - Quem somos - Contato

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Catanduva é a 44ª na geração de empregos

Catanduva é o 44º município paulista que mais inseriu pessoas no mercado de trabalho em 2011. Os dados constam em análise feita pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento, Emprego e Relação de Trabalho (Semdert) com base em levantamento divulgado, esta semana, pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

Entre os 44 líderes do ranking do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), 36 têm população superior à de Catanduva. Abaixo, aparecem grandes cidades como Jaguariúna (58º), Sumaré (60º) e São José dos Campos (98º).

De acordo com o Caged, a evolução de empregados formais em Catanduva, entre janeiro e dezembro de 2011, teve saldo positivo de 1.938 postos de trabalho – incremento de 93,6% em relação ao mesmo período de 2010 (saldo de 1001 postos gerados). Em 2011 foram 21.657 admissões contra 19.719 desligamentos.

Em 2011, se comparados os números de todos os municípios brasileiros analisados, num total de 5.654 cidades, Catanduva ocupa a 159ª posição.

Ações

A Semdert comemora os números. De acordo com a pasta, o resultado positivo é também fruto de várias ações da Prefeitura. Dentre elas, ganha destaque a expansão do crédito do Banco do Povo Paulista: R$ 397,8 mil emprestados, no ano.

Também podem ser citadas as ações do Posto Sebrae de Catanduva, que, de janeiro a dezembro de 2011, realizou 66 atividades, entre cursos, capacitações e palestras, atendendo a 1.436 empreendedores.

Segundo o setor, a otimização da parceria com o Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) e a nova parceria firmada com o Centro de Integração Empresa Escola (CIEE) também colaboraram para os números positivos.

Qualificação

Outra iniciativa que deve gerar resultados em curto prazo e possibilitar a inserção de mão de obra qualificada no mercado de trabalho é o curso na área de Tecnologia da Informação, uma parceria da Prefeitura com a IBM, o Instituto Eldorado e o Instituto Federal. A segunda fase do curso com aulas presenciais começará em breve.

“Estamos focados em ações que possibilitam, além da inserção, a qualificação de estagiários e de trabalhadores para o mercado”, informa a Semdert.

0 comentários:

Postar um comentário